Em uma entrevista ao site Entertainment Weekly, David Jaffe, famoso após criar o aclamado jogo de ação God of war, comentou um pouco a respeito do filme baseado na história de Kratos, protagonista da série dos videogames que chega à sua segunda edição amanhã, dia 13 de março de 2007.

1

None

Os rumores de que um filme seria feito baseado no jogo de grande sucesso já haviam se espalhado antes mesmo do anúncio oficial de God of war 2, impulsionados pelo fato de que qualquer jogo hoje em dia pode ganhar adaptação para as telonas e pelo alto grau de elementos cinematográficos presentes na sangrenta história ambientada na Grécia. Assim, poucos duvidavam de que um filme fosse mesmo chegar. Agora, o sonho está um passo mais próximo da realidade.

O script criado por David Self (Estrada para perdição, Treze dias que abalaram o mundo), já está concluído, apesar da desconfiança de Jaffe de que a qualquer momento o projeto pode ser simplesmente engavetado. "Eu vivo esperando que me liguem e digam que [o projeto] morreu, mas meus dedos estão cruzados". O próximo passo, agora, é enviar o script para um diretor conceituado, ainda não divulgado.

Mesmo com o mistério a respeito do diretor, Jaffe não esconde sua vontade de ver Kratos de carne e osso. E, para a surpresa geral, a escolha do intérprete para o herói sanguinário na cabeça do criador é Djimon Hounsou (Diamante de Sangue, Eragon), que até já participou de um épico, só que romano, na pele de Juba, em o Gladiador. "Você tem que passar por cima do fato de que Kratos é grego, mas se levarmos em conta a aparência de Hounsou, sua habilidade de atuação e físico - eu não consigo pensar em uma melhor escolha", afirmou.

Aos fãs resta apenas aguardar. Os estúdios certamente sabem que God of War rapidamente tornou-se um marco nos jogos de ação e isto deve ajudar na venda do projeto. Tomara apenas que David Jaffe tenha um pouco de compaixão e não nos traga a notícia de que o "diretor de renome" é Uwe Boll (Alone in the dark, BloodRayne)...