Não chegou a ser uma disputa do no nível de bolacha x biscoito, mas o diretor de Overwatch, Jeff Kaplan, foi ao Reddit para pedir desculpas para “todo país da Austrália” por um engano cometido pelo seu time do design do novo mapa Junkertown.

Ambientado na Austrália, o mapa trazia um termo tipicamente associado ao inglês falado nos Estados Unidos em uma das placas do edifícios. Em um quiosque de comida, é possível ver a placa “take-out”, palavra americana para comida “para levar”. Os australianos, por sua vez, usam o termo “take-away” para indicar a mesma coisa. É possível ver a placa aos 0:33 segundos do trailer abaixo:

Como Junkertown fica na Austrália, alguns usuários do Reddit questionaram o uso do termo americano – que além de tudo, está, ironicamente, logo abaixo de um personagem de um coala, um dos símbolos do país oceânico.

Gostaria de oferecer uma desculpa direta para todo o país da Austrália. Perdoe a nossa insensibilidade cultural”, escreveu Kaplan no fórum. “Vamos corrigir isso em um próximo patch”.

O diretor não se pronunciou, no entanto, sobre uma segunda polêmica envolvendo a narração do trailer de apresentação de Junkertown. Como indica o Kotaku, o trecho de narração “eles acharam que podiam tomar nossa terra e dar para às máquinas” foi considerado problemático por alguns usuários por conta do histórico de tomada de terras de povos aborígenes australianos.

O mapa Junkertown foi anunciado nesta semana e está jogável durante a Gamescom 2017.