Jeff Kaplan, o diretor de Overwatch, publicou uma nova atualização dos desenvolvedores no canal oficial do jogo, e comentou sobre como o comportamento tóxico da comunidade está atrasando as atualizações e novos conteúdos do shooter.

"Nós queremos fazer novos mapas, nós queremos fazer novos heróis, nós queremos fazer curtas animados," ele explicou. "Mas nós fomos colocados nessa posição estranha na qual gastamos uma quantidade tremenda de tempo e recursos punindo pessoas e tentando fazer as pessoas se comportarem melhor."

"Eu gostaria que nós pudéssemos pegar o tempo que colocamos em ter a opção de reportar jogadores no console, e colocá-lo em um sistema de histórico de partidas, ou um sistema de replay," ele exemplificou. "Foram as mesmas pessoas que iam trabalhar nos dois, que foram re-posicionadas para trabalhar no outro. O mal comportamento não está só arruinando a experiência para o próximo, mas o mal comportamento também está fazendo o progresso do jogo - em termos de desenvolvimento - ir mais devagar."

Durante o vídeo, Kaplan explica de onde surgem esses comportamentos e não gasta muito tempo explicando como (e se) a Blizzard planeja intensificar a luta contra esse tipo de coisa. Ele, por outro lado, coloca a responsabilidade, também, nos próprios jogadores.

"A comunidade precisa se examinar profundamente," afirmou o diretor. "Pensar sobre todas as vezes que alguém falou algo negativo para você no jogo e imaginar como seria se alguém falasse algo positivo dessa vez. Há uma forma de espalhar positividade que eu não acho que está prevalecendo no momento."

Você pode ver o vídeo completo acima.