Mass Effect: Andromeda

A franquia Mass Effect vai entrar em hiato após o lançamento de Mass Effect: Andromeda, de acordo com informações do Kotaku.

Conversando com quatro fontes, o site diz que a BioWare Montreal, o estúdio que desenvolveu Andromeda, vai passar para uma função de suporte aos outros estúdios da produtora. Com isso, a franquia de RPG espacial não deve receber novidades em um futuro próximo.

A equipe de estúdio de Montreal teria sido dividida em duas partes. A primeira teria sido transferida para o Motive Studios, que auxilia no desenvolvimento de Star Wars: Battlefront II. Já a outra metade ajudará a matriz da BioWare, localizada no Canadá, que está desenvolvendo um novo jogo, de codinome Dylan.

Este novo game, que pode ser anunciado na E3, teria elementos similares a DestinyEm uma reunião com acionistas, uma declaração do CEO da EA, Andrew Wilson, pode ter dado força a essas informações. Wilson descreveu o jogo como um "serviço vivo", sugerindo que o título terá atualizações constantes.

Ainda segundo informações do Kotaku, a BioWare Montreal teve dificuldades no desenvolvimento de Mass Effect: Andromeda, que foi o primeiro jogo liderado pela empresa. O estúdio foi fundado em 2009 para auxiliar na produção de DLCs para Mass Effect 2 3. A matriz da BioWare, localizada em Edmonton (Canadá), fez a trilogia original da franquia e agora trabalha no game de codinome Dylan.

Mass Effect: Andromeda leva os jogadores para a galáxia de Andrômeda, muito além da Via Láctea, onde eles lideram a luta por um novo lar em território hostil, no qual os humanos são os alienígenas, contra uma mortal espécie indígena determinada a nos parar. O game está disponível para PlayStation 4Xbox One e PC.

Leia mais sobre Mass Effect: Andromeda