A organização brasileira Big Gods não vai competir no cenário americano de League of Legends em 2018.

Em comunicado enviado ao The Enemy, a Big Gods diz que manteve foco ao longo do ano para entrar no novo sistema de franquias da LCS NA, mas "houve um desencontro de interesses entre a equipe, os investidores e a detentora dos direitos do campeonato".

A Big Gods também informou que está "auxiliando os jogadores a encontrar as melhores oportunidades para sua carreira".

Três membros da equipe se movimentaram em relação à decisão da Big Gods: o treinador Ednilson "Jukkah" anunciou sua saída da equipe, enquanto o suporte Gustavo "Baiano" Gomes e o jungler Thúlio "sirT" Carlos se colocaram à disposição para receber propostas de outras equipes.

A Big Gods disputou dois splits da Challenger Series, o Circuito Desafiante da liga americana. A equipe chegou às semifinais nas duas ocasiões, e perderam para o eUnited por 3 x 0 nas duas vezes.

A partir de 2018, a segunda divisão da liga americana não dará mais acesso à LCS NA, cujas vagas deverão ser adquiridas pelos interessados. Com isso, o Desafiante americano vai se tornar um campeonato dedicado a revelar jogadores jovens.