None


Homefront: The Revolution
 
foi adiado para 2016, anunciou a Deep Silver nesta quinta-feira (12).

A publisher também anunciou o nome do estúdio que vai cuidar do desenvolvimento do game após adquirir a franquia da Crytek em julho do ano passado. Intitulada Deep Silver Dambuster, a empresa é composta em sua maioria por ex-funcionários da Crytek no Reino Unido, que já trabalhavam no game.

O último vídeo de gameplay de Homefront: The Revolution foi divulgado na época do anúncio oficial do game, na E3 do ano passado - assista:

Homefront: The Revolution se passa na Filadélfia, quatro anos após a Coreia do Norte dominar os EUA. A cidade tornou-se um gueto que é regularmente patrulhado por soldados e drones, onde os civis vivem com medo sob a opressão de um Estado policial. Além da cidade existe a "Badlands", uma zona vermelha onde as sementes da revolução estão se formando graças a um bando de guerrilheiros que trabalham para derrubar a ditadura e alcançar a independência.

O game chega em 2016 para PlayStation 4Xbox OnePC Mac.

Leia mais sobre Homefront