Nesta sexta-feira (4), Neymar foi anunciado como novo atleta do PSG e se tornou o jogador mais caro da história do futebol. O clube francês pagou 222 milhões de euros (cerca de US$ 261 milhões) para cobrir a cláusula de rescisão do contrato do brasileiro com seu antigo clube, o Barcelona.

Os valores astronômicos na negociação serviram para uma série de comparações e uma única pergunta: o que é possível comprar com 222 milhões de euros? Levando a discussão para o lado dos games, a constatação é categórica: com este dinheiro, seria possível financiar quase todos os games mais caros da história, salvo pouquíssimas exceções.

Abaixo, lembramos dez jogos que custaram menos do que a transferência de Neymar para o PSG:

Call of Duty: Modern Warfare 2

Call of Duty: Modern Warfare 2

O jogo de tiro favorito de Neymar pode ser Counter-Strike, mas a franquia da Activision também tem uma gigantesca base de fãs. MW2 foi o mais caro deles. Ele saiu em 2009 e custou nada menos do que US$ 250 milhões para ser produzido - US$ 50 milhões para o desenvolvimento e os US$ 200 milhões restantes para o marketing, de acordo com esta reportagem do Los Angeles Times.

Star Wars: The Old Republic

Star Wars: The Old Republic

O dinheiro pago pelo PSG por Neymar financiaria um MMORPG, que é um gênero de jogos gigantescos e complexos. A BioWare, por exemplo, pagou US$ 200 milhões para levar o game de Star Wars às lojas, de acordo com o Los Angeles Times. Um dos motivos foi o longo processo de desenvolvimento: seis anos.

Final Fantasy VII

Final Fantasy VII

Outro jogo detalhadíssimo que custou uma fração da transferência do brasileiro foi o RPG que mudou a história da franquia (e da Squaresoft) em 1997. Suas belas cenas em computação gráfica não foram baratas: US$ 45 milhões para desenvolver. Para promover o jogo, o estúdio gastou mais US$ 100 mi, totalizando US$ 145 milhões de orçamento, de acordo com o Eurogamer.

Shenmue II

Shenmue II

A franquia Shenmue chegou às lojas com a fama de ser a mais cara da história. O GameSpot diz que o jogo custou US$ 132 milhões, mas o valor é debatível, já que partes do jogo foram produzidas junto com o primeiro Shenmue, o que pode fazer o custo valer para os dois jogos. O primeiro Shenmue custou US$ 70 milhões, mas o criador Yu Suzuki depois baixou o valor para US$ 47 milhões.

Max Payne 3

Max Payne 3

Um dos detetives mais famosos dos games veio conhecer o Brasil de perto, e o valor que a Rockstar pagou para retratar o país da "ousadia e alegria" também foi alto: US$ 105 milhões, de acordo com esta notícia do GameTrailers. Hoje, o valor não pagaria nem o salário anual de Neymar.

Grand Theft Auto IV

GTA IV

Achou que não ia ter GTA na lista, né? Achou errado! Enquanto Neymar foi para a França para receber um dos salários mais altos do futebol, Niko Bellic deixou o leste europeu para ganhar a vida nos EUA em uma saga alardeada como "o jogo mais caro já produzido". A Rockstar pagou cerca de US$ 100 milhões para produzir o game, segundo o GamesIndustry.

Red Dead Redemption

Red Dead Redemption

Outro jogo da Rockstar que também chegou à marca dos US$ 100 milhões é Red Dead Redemption. Este foi o valor que a empresa pagou para criar a história de John Marston no velho oeste americano, de acordo com uma reportagem do New York Times. Será que a continuação vai ser mais cara do que o valor de transferência de Neymar?

Disney Infinity

Disney Infinity

Certamente o PSG pretende ganhar dinheiro com a venda de camisas com o nome de Neymar, e um raciocínio similar deve ter ocorrido entre os executivos da Disney na hora de produzir este game, que usa vários bonecos interativos vendidos separadamente. O Wall Street Journal diz que a empresa gastou US$ 100 milhões para produzir o game, mas a franquia não deu certo e foi descontinuada.

The Witcher 3

The Witcher 3

Neymar diz que não foi para o PSG por dinheiro, provavelmente para não ser chamado de "mercenário". Os bruxeiros, por sua vez, não se incomodam com a alcunha. Um deles é Geralt de Rívia, o protagonista do título da CD Projekt RED. Para fazer o premiado jogo, a empresa da Polônia gastou US$ 69 milhões, segundo o Eurogamer.

Metal Gear Solid V: The Phantom Pain

Metal Gear Solid V The Phantom Pain

Neymar era herói da torcida do Barcelona, e agora deve virar vilão. Algo similar acontece com Big Boss, um dos protagonistas de Metal Gear Solid. The Phantom Pain mostra a derrocada do personagem, e para contar esta história, a Konami deu a Hideo Kojima e sua equipe US$ 80 milhões para a produção do jogo, segundo o jornal Nikkei. O alto orçamento teria sido um dos motivos pelo fim da relação entre o diretor e a empresa.

As exceções

O dinheiro gasto pelo PSG por Neymar só não custearia dois jogos: Grand Theft Auto V, que custou cerca de US$ 265 milhões para ser produzido, e Destiny, que teria custado US$ 500 millhões - um valor que a empresa negou ter gasto várias vezes.